EMESP

MENU

Grupos se apresentam em novembro

05 de novembro de 2018

Os Grupos Infantis e Juvenis do Guri não param! Depois do concerto da Banda Infanto-Juvenil no Clube Hebraica, no dia 4, os Grupos realizam mais quatro apresentações até o fim do mês!

Anote no calendário!

Tem concerto especial da Orquestra de Cordas Infanto-Juvenil! No sábado, dia 10 de novembro, a Orquestra faz um concerto de música barroca na Basílica Nossa Senhora do Carmo, ao meio-dia. E para um repertório especializado, nada melhor que convidados especializados! Quem comanda o grupo desde o cravo é Fernando Cordella. Músico, pesquisador e professor, Cordella é uma das referências em música dos séculos XVII e XVIII no Brasil, e atualmente é diretor artístico da Confraria Música Antiga StudioClio, da Sociedade Bach Porto Alegre. E não para por aí: a Orquestra de Cordas do Guri receberá ainda uma solista de primeira: a soprano Marília Vargas. Como Cordella, ela também é especialista em música barroca – professora da EMESP Tom Jobim e preparadora vocal do Coral Jovem do Estado, ela integra também o Núcleo de Música Antiga da escola, ministrando aulas de canto barroco. Em junho ela estrelou a ópera Barroca Alcina, de Händel, sendo aclamada por público e crítica por sua performance. É com esses convidados fora de série que a Orquestra de Cordas mergulha no repertório da música antiga, e apresenta ao público da Basílica Nossa Senhora do Carmo um programa com o Concerto Grosso nº 8 de Arcangelo Corelli, escrito para a noite de Natal, a Suíte Dom Quixote de Georg Phillip Telemann, e árias da ópera Rinaldo, de Georg Friedrich Händel. O concerto tem entrada gratuita, mas quem quiser pode apoiar uma iniciativa muito legal da Basílica Nossa Senhora do Carmo: com o intuito de fazer cestas básicas para distribuir para a comunidade local, a basílica promove em sua série musical a coleta de alimento não-perecível. Então se você quiser curtir uma música barroca de qualidade e, de quebra, ajudar quem precisa, é só levar 1 quilo de alimento não-perecível. A ajuda não é obrigatória, mas a Basílica Nossa Senhora do Carmo e a comunidade agradecem!

Voltando ao calendário, podemos pular para o último fim de semana de novembro: nos dias 24 e 25 acontecem três concertos. No sábado, dia 24, é a vez da Big Band Infanto-Juvenil do Guri, que, sob o comando de Paulo Tiné, faz um programa aberto no Museu de Arte Moderna, o MAM, no parque Ibirapuera. O programa está feito! Sábado, às 11h, ir no MAM ouvir música de gente do calibre de Herbie Hancock, Moacir Santos, Miles Davis, Stevie Wonder e Edgberto Gismonti, dar uma volta no MAM para conferir a exposição especial de 70 anos do museu, e depois passear no parque. Fechado?

 

E no dia seguinte tem mais! No domingão são dois concertos, ambos no Masp. Então já temos programa pro domingo também! Às 11h, assistir à apresentação da Camerata de Violões, sob o comando de Paulo Bellinati, com um repertório que traz o que tem de melhor no violão brasileiro contemporâneo. Depois, dar uma volta na Paulista aberta, curtir o domingo com os amigos, comer um lanche, e, às 16h, voltar pro Masp. Dessa vez quem agita o Masp Auditório é o Regional de Choro do Guri. Sob o comando de Santiago Steiner o grupo faz um programa especial intitulado Celebrando Guri, Celebrando Jacob. A comemoração dupla celebra os 100 anos de Jacob do Bandolim e também o próprio Regional de Choro do Guri, num repertório que traz obras do mestres do choro ao lado de composições originais de integrantes do Regional da turma de 2014 e de 2018. Tá bom esse domingo?

E em dezembro tem muito mais! Se você gostou do programa barroco da Orquestra de Cordas com Fernando Cordella e Marília Vargas, fique ligado, que tem reapresentação nos dias 1º, no Masp Auditório; e 2, no Pátio do Colégio. E o Regional também repete seu repertório Celebrando Jacob, Celebrando Guri, no dia 1º, na Fundação Ema Klabin. Serão 13 concertos em dezembro: tem Orquestra Sinfônica, Coral Juvenil, Encontro de Bandas… pra ver a programação completa, entre na nossa agenda, e já começa a convidar a galera!