EMESP

MENU

Grupos do Guri tocam em museus da capital

09 de novembro de 2017

O último fim de semana de novembro tem quatro Grupos Infantis e Juvenis do Guri em ação em três museus da capital! No dia 25 quem se apresenta são os caçulinhas do Guri, a turma do Coral Infantil. Sob regência de sua maestrina convidada, Ana Yara Campos, o coral canta acompanhado também do Coral de Familiares – este, com regência da convidada Lidiana Mincov. A apresentação acontece na Pinacoteca, ao meio-dia, e é uma ótima pedida de passeio: aos sábados o museu tem entrada gratuita. Além do acervo, a Pinacoteca apresenta também uma exposição voltada à vanguarda brasileira dos anos 1960, e outra em comemoração aos 120 anos de um dos maiores pintores do Brasil, Di Cavalcanti. Chegue mais cedo, visite o museu e curta o som do Guri!

Já no domingo, dia 26, acontecem dois concertos. De manhã, às 11h, é a Big Band Infanto-Juvenil que toca no Museu da Casa Brasileira. Com regência do convidado Fábio Leal e participação do acordeonista Toninho Ferragutti, a Big Band faz sua última apresentação da temporada, interpretando peças de Arismar do Espírito Santo, Guegué Medeiros e Sammy Nestico, entre outros. Além do agradável ambiente do museu vale a pena visitar as exposições em cartaz – Remanescentes da Mata Atlântica & Acervo MCB, com uma abordagem história de móveis criados com madeiras da mata nativa brasileira; e A Casa e A Cidade: Coleção Crespi-Padro, que revela hábitos residenciais e transformações urbanas da primeira metade do século XX.

À tarde, às 16h, é a vez da Camerata de Violões Infanto-Juvenil, que também encerra sua temporada recebendo grandes convidados. Novamente sob regência de seu maestro convidado, o violonista Paulo Porto Alegre, a camerata tem como solitas o baixista Sizão Machado e o saxofonista Mané Silveira. A apresentação é no Masp Auditório. Vale a pena aproveitar e visitar o belíssimo acervo do museu, que, renovado no final de 2015, volta a apresentar as obras nos cavaletes de cristal de Lina Bo Bardi, genial arquiteta ítalo-brasileira responsável pelo projeto do museu. Estão em cartaz também a retrospectiva gráfica da Guerrilla Girls, uma exposição dedicada à arte erótica de Pedro Correia de Araújo, e a exposição Histórias da Sexualidade. Lembrando que em algumas exposições a entrada de menores de 18 anos só é permitida se acompanhada por pais ou responsáveis.

Acompanhe o site do Guri Santa Marcelina e fique ligado em toda a programação dos Grupos Infantis e Juvenis. E veja também o site da Santa Marcelina Cultura, que traz toda a Temporada 2017 da instituição, com apresentações dos Grupos Infantis e Juvenis do Guri, os Grupos Jovens da EMESP Tom Jobim, e mais!