EMESP

MENU

Conversa com Deborah Rossi

25 de outubro de 2021

O Coral de Familiares apresenta o concerto “Amanhã vai ser outro dia”.

A frase cantada pelo MPB4 inspirou a regente, Deborah Rossi que, com esperança, acredita que um novo dia está se aproximando. A escolha das músicas surgiu da mensagem da força e crença de que estamos chegando no futuro que, após tanto tempo, podemos vislumbrar. Confira nossa conversa:

Foto: Roberta Borges

Ao explicar o repertório apresentado, a regente parafraseia uma das canções apresentadas: “somos como a Serpente, que na música da Pitty, tira a própria pele para se tornar uma outra. Acreditamos que o cantar faz parte de tudo isso, as coisas vão passar, apesar da pandemia, do desemprego e do negacionismo. Vamos sair mais fortes. Sem dúvida alguma. Eses concertos serão um grito de alívio pra falar que apesar de tudo isso , amanhã vai ser outro dia.”

Deborah Rossi é regente do Coral de Familiares desde 2019 e possui uma longa trajetória com corais profissionais e amadores. Desde o ano passado, o grupo realiza encontros online, que resultaram em apresentações virtuais. Deborah não descarta, no entanto, a emoção do reencontro presencial: “Os ensaios foram planejados para resgatar a sonoridade do grupo e o prazer de se cantar junto”.

Os ensaios seguiram rigidamente os protocolos de saúde. Além do uso de máscaras, aferição de temperatura e distanciamento, os membros cantam separados por barras de acrílico. A apresentação presencial também será uma novidade para muitos participantes, que entraram durante a pandemia e realizam sua primeira estreia nos palcos.

Confira aqui nossas próximas apresentações.

 

Assista aos concertos virtuais do Coral de Familiares: